A Prefeitura de Jacarezinho, através da Secretaria Municipal de Agricultura, continua auxiliando aos pequenos produtores rurais com o Programa de Inseminação Artificial (PIA). Este programa visa o melhoramento genético do rebanho leiteiro para os produtores que contam com isto como ferramenta de trabalho.

“Nosso objetivo é fazer com que o produtor tenha um melhoramento no seu rebanho e na produção de seu leite, com isto terá uma renda maior”, enfatiza o prefeito Sérgio Eduardo de Faria, Dr. Sérgio. Neste programa inclui-se assistência técnica ao produtor.

Estima-se que no município há mais de 530 propriedades rurais de agricultura familiar resultando em mais de 2.300 cabeças lactação. “Segundo dados da EMATER, isto gera uma produção de aproximadamente 25 mil litros de leite”, complementa João Paulo Carretero.

O intuito do programa é melhorar geneticamente o rebanho e o controle sanitário e reprodutivo. Ao produtor o único custo é a dose de sêmen: (R$ 15 convencional e R$ 70 sexado) e ele necessita apenas se utilizar de mão de obra familiar e fazer exames de tuberculose e brucelose regularmente. Os interessados podem entrar em contato com o Departamento de Assistência Técnica (com Márcio ou Michelle) pelo telefone (43) 3911-3136.

Segundo o secretário de Agricultura, João Paulo Lima Carretero, com a inseminação artificial, os produtores tem a vantagem de proporcionar a escolha de animais superiores, uniformizar o rebanho e facilitar o controle de doenças. “O preço do sêmen é repassado ao produtor sem nenhum acréscimo de bônus e os serviços e materiais são disponibilizados sem nenhum custo ao produtor”, enfatiza João Paulo Carretero.

O levantamento do 1° semestre aponta para utilização de 1/3 das doses disponíveis para este ano.